Procure no site:

novembro 3, 2020
Ouse entender! - Por Steven Pinker

O que é iluminismo? Em um ensaio com esse título escrito em 1784, Immanuel Kant respondeu que é “a saída do ser humano da menoridade de que ele próprio é culpado”, de sua submissão “preguiçosa e covarde” aos “dogmas e fórmulas” da autoridade religiosa ou política. Seu lema, ele proclamou, é “ouse entender!”, e sua […]

Read More
novembro 2, 2020
Contrailuminismos - Por Steven Pinker

Quem poderia ser contra a razão, a ciência, o humanismo ou o progresso? Sãopalavras doces, expressam ideais inatacáveis. Definem as missões de todas asinstituições da modernidade: escolas, hospitais, entidades beneficentes, agências de notícias, governos democráticos, organizações internacionais. Esses ideais precisam mesmo de defesa? Com certeza. Desde os anos 1960, a confiança nas instituições da modernidadedespencou, […]

Read More
outubro 10, 2020
Steven Pinker – O Novo Iluminismo

Leia alguns trechos iniciais dessa leitura recomendada por nós Neoliberais Prefácio A segunda metade da segunda década do terceiro milênio pode não parecer uma época auspiciosa para publicar um livro sobre a arrancada histórica do progresso e suas causas. Neste momento em que escrevo, meu país é governado por pessoas que têm uma opinião sombria […]

Read More
setembro 29, 2020
Correlação entre crenças: Origens e exemplos

Existem correlações de crenças em assuntos tão distintos que evidenciam que, muitas vezes, a justificativa formal da crença é meramente uma racionalização ad hoc para esconder o verdadeiro motivo que leva a pessoa a acreditar nela. A seguir, dou três exemplos do que quero dizer e faço algumas conjecturas para explicar os motivos dessas correlações. […]

Read More
setembro 27, 2020
Nós vivemos em tempos extraordinários

Nós vivemos em tempos extraordinários. Nunca é demais enfatizar isso. Em 200 anos, a expectativa de vida em países desenvolvidos mais do que dobrou e a renda per capita aumentou 60–80 vezes. A mortalidade infantil passou de 35% para perto de 0%. E isso tudo graças principalmente, ao meu ver, a dois fatores: 1. A […]

Read More